INFORME SINFRERJ


Witzel escolhe brigadeiro formado no ITA para cuidar de transportes no Rio

O governador eleito do Rio, Wilson Witzel (PSC), escolheu um brigadeiro formado no ITA (Instituto Tecnológico da Aeronáutica) para cuidar da área de transportes durante seu governo. Witzel também indicou nesta quarta-feira (28) mais três secretários: para as pastas de Cultura, Infraestrutura e Cidades.

O brigadeiro Robson Fernandes Ramos, 60, vai chefiar a Secretaria de Estado de Mobilidade do governo eleito, a atual Secretaria dos Transportes. Ele também é formado em engenharia civil pela Universidade de Berkeley, na Califórnia (EUA).

Questionada, a equipe de Witzel não soube informar se ele é um militar da ativa, da reserva ou reformado.

Assim como Ramos, o próprio Witzel passou pela caserna: ele foi fuzileiro naval da Marinha, chegou ao posto de tenente e deixou a carreira, tornando-se defensor público e mais tarde juiz.

A associação com a imagem do presidente Jair Bolsonaro (PSL), um capitão reformado do Exército, rendeu a Witzel os votos que precisava para passar para o segundo turno e vencer a corrida eleitoral.

O brigadeiro é o primeiro militar das Forças Armadas a fazer parte do governo de Witzel -- diferente de Bolsonaro, que já tem ao menos três oficiais generais confirmados para cargos de ministros (Augusto Heleno Ribeiro Pereira para o Gabinete de Segurança Institucional, Fernando Azevedo e Silva para a Defesa e Carlos Alberto dos Santos Cruz para a Secretaria de Governo).

Para a pasta de Cultura do Rio de Janeiro, foi escolhido Ruan Fernandes Lira, 30, que foi assessor internacional da mesma secretaria e atuou no Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016.

A Secretaria da Infraestrutura ficará com Horácio Guimarães Delgado Júnior, formado em engenharia civil e matemática e professor da Uerj (Universidade Estadual do Rio de Janeiro).

O outro indicado é o consultor financeiro e auditor independente Juarez Fialho, que assumirá a Secretaria de Estado das Cidades. Witzel disse que a pasta é uma “novidade” e foi criada para “planejar, executar e coordenar as políticas públicas das áreas de habitação, urbanização e desenvolvimento regional sustentável".

O governador eleito já havia anunciado outros 11 nomes de dirigentes de secretarias e órgãos-chave de seu futuro Governo.

Fonte: UOL

 

 

RECEBA A NOSSA NEWSLETTER

PARCEIROS INSTITUCIONAIS

Rua da Assembleia, 10, Sala 2112, 21º andar,
CEP 20011-901 - Centro | Rio de Janeiro
Telefax: (21) 2210-7398 -

Desenvolvido por Arte Digital Internet | Layout